Em outubro a APIRAC vai realizar o 4º Encontro Nacional de Instaladores, subordinado ao tema “DESAFIOS DO PRESENTE E PARA O FUTURO DAS EMPRESAS INSTALADORAS: Oportunidades para o desenvolvimento da economia das empresas”. O encontro tem data marcada para o dia 27 de outubro e realizar-se-á, a exemplo das edições anteriores, na Exposalão Batalha.

Nesta sessão terá ainda particular interesse o tema “CENÁRIOS PARA A APLICAÇÃO DE ECO TAXA PARA FLUIDOS FRIGORIGÉNEOS EM PORTUGAL”, com o patrocínio da Secretaria de Estado do Ambiente. Pretende-se aqui criar um fórum com reflexões e debates que apontem caminhos para a implementação de um sistema que favoreça e premeie os diversos intervenientes para o cumprimento de objetivos ambientais e compromissos políticos a que o Estado português está obrigado.

O encontro centra-se na análise de diversas matérias inerentes à atividade empresarial na área da Instalação, Manutenção e Assistência Técnica de Sistemas de Climatização em Edifícios, constituindo oportunidade para podermos auscultar em discurso direto o entendimento de diversos organismos públicos e privados sobre aspetos da maior relevância.

Como oradores, destaque à presença já confirmada de ADENE, APA, CERTIF, QUERCUS, ZERO e CH BUSINESS CONSULTING.

As inscrições estão abertas, podendo para o efeito considerar o formulário específico que é possível de descarregar a partir desta newsletter ou em http://www.apirac.pt/destaques_4_ENI.php e remetê-lo para os serviços a APIRAC.

    Nuno Roque
Secretário-Geral APIRAC
 

 

     
   

Etiqueta energética de aquecimento em vigor há um ano

     
 

A etiqueta energética de aquecimento entrou em vigor há um ano para apoiar o consumidor na identificação dos aquecedores e sistemas de aquecimento mais eficientes no mercado.

Esta etiqueta, em linha com a etiqueta energética de presença obrigatória em vários eletrodomésticos, é particularmente relevante dada a importância das soluções de aquecimento no desempenho energético das habitações. É portanto uma peça de comunicação fundamental no apoio à decisão de aquisição de soluções mais eficientes, com menor consumo energético, menor impacto ambiental e menores custos na fatura energética.

Em vigor desde 26 de setembro de 2015, serve para classificar o desempenho energético de todas as novas soluções de aquecimento ambiente e/ou de preparação de água quente em toda a União Europeia, sendo a sua emissão da responsabilidade do fabricante, distribuidor ou instalador, dependendo do tipo de sistema (pré-fabricado ou customizado).

Quando procura um novo equipamento, o consumidor deve saber a classe energética e conhecer a etiqueta energética, bem como receber a documentação com as características relevantes, referentes às opções de aquecimento escolhidas.

Para facilitar a emissão da etiqueta dos sistemas por parte dos profissionais, foi desenvolvida uma ferramenta online, de acesso gratuito, acessível a partir da página Web da APIRAC.

   
     
   

Contributo das FER no consumo final bruto de energia Ano 2014

     
   

A diretiva comunitária 2009/28/CE fixa um objetivo para incorporação de Fonte de Energia Renovável (FER) no consumo final bruto de energia até 2020, que é de 31% para Portugal, cujo contributo provem do setor de produção de eletricidade, no aquecimento e arrefecimento nos setores da indústria, de serviços e doméstico e ainda nos Transportes (10%). A partir de 2011, apenas os biocombustíveis produzidos a partir de matéria residual e os biocombustíveis com certificado de origem, são considerados no cálculo.

     

   
     
   

Balanço Energético Sintético 2015

   

 

 

Em 2015, o consumo de energia primária subiu 4,9% relativamente a 2014. A subida deste consumo deveu-se sobretudo aos consumos de carvão e de gás natural com aumentos de 21,5% e 16,4%, respetivamente. O consumo de energia final em 2015, cresceu 1,4% relativamente a 2014. O consumo final de produtos derivados do petróleo subiu 2,2%, quando comparado com o consumo do ano anterior. O consumo final de eletricidade cresceu 1,4%. O aumento de 14,2% no saldo importador dos produtos energéticos, assim como a redução de cerca de 20% da produção de energia elétrica a partir de fontes renováveis, foi determinante para o aumento da dependência energética, que passou de 72,4% em 2014 para 78,3% em 2015.

O Balanço Energético Sintético tem por objetivo apresentar, de forma sucinta, a evolução dos principais indicadores energéticos referentes a 2015, que já se encontram disponíveis. A informação desagregada do consumo final, referente aos consumos energéticos por setor económico, será disponibilizada no Balanço Energético anual, previsto para finais de novembro de 2016. Os dados desta publicação têm caráter provisório para o ano de 2014 e 2015.

   
     
   

IAPMEI lança manual de Boas Práticas

     
 

IAPMEI lançou um manual para os empresários evitarem problemas ao investirem com o apoio do Portugal 2020. 

Consciente das principais dúvidas e dificuldades que surgem durante o processo de preparação de candidaturas aos incentivos, o IAPMEI elaborou um manual onde apresenta as 10 melhores práticas na gestão de projetos de investimento e refere os principais elementos que não devem faltar numa candidatura.

Consulte - aqui - o manual de Boas Práticas para candidaturas a incentivos e saiba como fazer uma candidatura de sucesso.

     

   
    As nossas Circulares
    Consulte as nossas Circulares na Área Reservada ao Associado, no site APIRAC
 


» 2016

Circular n.º 43

ANUÁRIO APIRAC 2017

Circular n.º 42

1º ENCONTRO NACIONAL SISTEMAS DE GESTÃO TÉCNICA CENTRALIZADA
8 de novembro de 2016
Lisboa - Centro Cultural de Belém,
Sala Luís de Freitas Branco

     
   
   

Verificação de Equipamentos para Deteção de Fugas no CENTERM  

   

 

 


     
   
 
    AGENDA - CURSOS APIEF 2016
   

 

» LISBOA
Dra. Filipa Mendes
Tel: 213 540 011
Fax: 213 474 576
filipa.mendes@apief.pt formacao@apief.pt

» PORTO
Dra. Patrícia Maia
Tel: 222 088 837
Telm: 964 942 932
Fax: 213 474 576
apirac.porto@apirac.pt
formacao.porto@apief.pt

» GUIMARÃES
Dra. Maria José
Tel: 253 554 288
Telm: 967 446 860
Fax: 213 474 576
apirac.guimaraes@apirac.pt
formacao.guimaraes@apief.pt

 

 
10 out » fluidos naturais e alternativos - laboral lisboa
10 out » Gases fluorados - categoria 1 – Intensivo    guimarães
11 out » tim 3 - pós laboral porto
18 out » Gases fluorados - categoria 1 – pós laboral lisboa
20 out » plano de manutenção - laboral lisboa
25 out » fluidos naturais e alternativos - laboral guimarães
11 nov » Fluidos Naturais e Alternativos guimarães
14 nov » Gases Fluorados – Categoria 1 - Pós-laboral porto
16 nov » TIM3 - Pós-laboral  lisboa
21 nov » Gases Fluorados - categoria 1 – Intensivo guimarães
21 nov » Gases Fluorados - categoria 1 - Pós-laboral lisboa
21 nov » Fluidos Naturais e Alternativos porto
27 out »  Geral de Refrigeração e Climatização b-learning
29 nov » Fluidos Naturais e Alternativos  lisboa
out/ Nov » tim 3 b-learning
out/ Nov » Gases fluorados - categoria 1 b-learning
out/ Nov » gases fluorados - teórico b-learning
out/ Nov » complemento tim 3 b-learning
     
   
    Datas para pagamento de impostos
     

   
   

 

   

Presidência da República

   

DECRETO DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA N.º 79-M/2016 - DIÁRIO DA REPÚBLICA N.º 189/2016, 1º SUPLEMENTO, SÉRIE I DE 2016-09-3075456172 - Ratifica o Acordo de Paris, no âmbito da Convenção Quadro das Nações Unidas para as Alterações Climáticas, adotado em Paris, em 12 de dezembro de 2015.

   
    Assembleia da República
   

RESOLUÇÃO DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA N.º 197-A/2016 - DIÁRIO DA REPÚBLICA N.º 189/2016, 1º SUPLEMENTO, SÉRIE I DE 2016-09-3075456173 - Aprova o Acordo de Paris, no âmbito da Convenção Quadro das Nações Unidas para as Alterações Climáticas, adotado em Paris, em 12 de dezembro de 2015.

     
   
     
    4.º Encontro Nacional de Instaladores
    27 de Outubro | Auditório Exposalão - Batalha




 

A APIRAC vai organizar o 4º Encontro Nacional de Instaladores, subordinado ao tema “DESAFIOS DO PRESENTE E PARA O FUTURO DAS EMPRESAS INSTALADORAS: Oportunidades para o desenvolvimento da economia das empresas”. O encontro tem data marcada para o dia 27 de outubro e realizar-se-á, a exemplo das edições anteriores, na Exposalão Batalha.

Nesta sessão terá ainda particular interesse o tema “CENÁRIOS PARA A APLICAÇÃO DE ECO TAXA PARA FLUIDOS FRIGORIGÉNEOS EM PORTUGAL”, com o patrocínio da Secretaria de Estado do Ambiente.

As inscrições estão abertas, com formulário para o efeito que deverá ser remetido para os serviços a APIRAC.

  • Ver programa AQUI
  • Formulário de Inscrição AQUI

Contactos
APIRAC - Comunicação e Imagem
Dra. Sofia Sequeira
213 224 260 | 967 830 990

   
     
   

1.º Encontro Nacional da GTC

    8 de novembro | Sala Luís Freitas Branco - CCB - Lisboa
     



 
A APIRAC sob os auspícios da Comissão de Trabalho de Sistemas de Gestão Técnica de Edifícios vai organizar o 1º Encontro Nacional de Gestão Técnica Centralizada.

O Encontro ficará marcado pelo lançamento e distribuição aos participantes do primeiro “Guia Técnico de apoio ao projeto, implementação e manutenção dos sistemas de regulação, controlo e gestão técnica em edifícios”, de autoria da Comissão de Gestão Técnica Centralizada da APIRAC.

Sendo os sistemas de GTC cada vez mais decisivos parta a eficiência energética nos edifícios, verifica-se ainda, um grande desconhecimento na aplicação da legislação nacional (RECS) e a norma EN15232 associada. Desde os projetistas e peritos numa fase inicial do projeto até à verificação final da obra e posterior condução e manutenção por parte dos TIM, a legislação não é muitas vezes aplicada por desconhecimento e falta de divulgação. É desta necessidade que surge o Guia Técnico, criado no seio da comissão de GTC da APIRAC que reúne os requisitos legais e as boas práticas, aplicáveis em cada fase de desenvolvimento e implementação: Projeto, Obra, Condução e Manutenção.

As inscrições estão abertas, com formulário para o efeito que deverá ser remetido para os serviços a APIRAC.

  • Ver programa AQUI
  • Formulário de Inscrição AQUI
Contactos
APIRAC - Comunicação e Imagem
Dra. Sofia Sequeira
213 224 260 | 967 830 990
   
   

16.as Jornadas de Climatização
A Importância da Água na Climatização
Hidrogeologia e Geotermia

   

20 de outubro | Auditório da Sede Nacional da Ordem dos Engenheiros, Lisboa

     
 

A Comissão de Especialização em Engenharia de Climatização, em colaboração com as secções nacionais da ASHRAE e da REHVA, vai promover no dia 20 de outubro de 2016, as 16.as Jornadas de Engenharia de Climatização.

O evento deste ano incidirá sobre dois grandes temas "A importância da água na climatização” e "Hidrogeologia e Geotermia” e procurará aprofundar e divulgar o conhecimento de tecnologias e de práticas atuais nestes domínios.

Na primeira parte, que se desenrolará durante a manhã, serão apresentadas temas relacionados com sistemas hidráulicos para a distribuição e fornecimento de energia, sistemas de regulação e equilíbrio hidráulico e tecnologias atualmente disponíveis para tratamento de água, controlo da humidade do ar e para proteção na rede de consumo quando em ligação com as redes de AQS/AVAC.
    
Continuando os trabalhos das Jornadas, durante a tarde teremos a segunda parte, em que se procurará fomentar a implementação de sistemas de climatização com recurso a hidrogeologia e geotermia, em linha com os objetivos do conjunto das três diretivas europeias, Diretiva EPBD (reformulada), relativa ao desempenho energético dos edifícios, Diretiva RES para a promoção da utilização de energia proveniente de fontes renováveis e Diretiva EE relativa à Eficiência Energética.

Em cada uma das partes seguir-se-á um debate alargado com moderadores e oradores convidados.

Continuando a tradição de publicação de material técnico atual em português na área da Climatização, será apresentado e discutido o Manual da REHVA N.º 20, traduzido para português, sobre o título: "Projeto inovador de sistemas e condução de edifícios GEOTABS. Projeto e condução de sistemas GEOTABS”.

No final será distribuído um exemplar do livro a todos os participantes.

Mais informações AQUI

   
   

Missão Inversa AIP - PORTUGAL INTERNATIONAL BUSINESS MEETING II

    29 e 30 de novembro | AIP-CCI - Rua da Junqueira, Lisboa
     
 

A 2ªedição do Portugal International Business Meeting, organizado pela AIP-CCI, irá conceder o acesso a reuniões bilaterais (B2B) previamente agendadas com os parceiros mais relevantes para o negócio, e contará com o apoio de uma equipa de profissionais qualificados e especializados.

A par, serão organizadas sessões temáticas de mercados, bem como a possibilidade de agendamento de visitas às instalações das empresas nacionais participantes.

A BTOC, parceira da APIRAC, associou-se a este evento na angariação de empresas tanto portuguesas como estrangeiras. Consideramos ser uma excelente oportunidade para a angariação de novos clientes através da criação de networking, estar em contacto com novas empresas, e também a possibilidade de referência de outras empresas com quem já trabalhamos no exterior e/ou pretendamos trazer a Portugal.

Para os esclarecimentos e inscrições contactar:

Nicole Torres
nicole.torres@btoc.com.pt

     
   
    Se pretender fazer um comentário ou deixar-nos a sua opinião, clique aqui!
   
Para remover clique aqui e escreva STOP.
 

 


Patrocinadores Newsletter
 

 
 
 


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

PATROCINADORES
INICIATIVAS
APIRAC 2016