NewsLetter APIRAC - 3 de Março de 2006

 

Editorial

Terminou a primeira etapa do novo ciclo que vive a feira do Sector – o SINERCLIMA, Salão Internacional de Energia, Refrigeração e Climatização.

 

Os objectivos foram atingidos plenamente com uma adesão alargada da generalidade das marcas com responsabilidade no mercado, mas também de empresas instaladoras, de projecto e consultadoria, de qualidade do ar interior, o fabrico que não deixou de se fazer representar, e ainda o registo extremamente importante da participação do segmento de energias alternativas aplicadas à climatização.

 

O programa de acontecimentos bastante diversificado congregou seis eventos paralelos, onde pontificou no Sábado, 18.Fev., o Encontro Nacional do Frio com cerca de 200 técnicos e empresários do Sector. Entre os seis eventos calendarizados movimentaram-se 400 profissionais.

 

Quanto aos visitantes, entre profissionais e público em geral, as expectativas foram em muito suplantadas, já que ultrapassaram os 35.000 – facto inédito nas feiras do Sector e bastante assinalável para um certame com um cariz marcadamente técnico.

 

Assim, nesta hora de balanço haverá que projectar a nova feira que se realizará em 2008. Sabendo que entre os participantes existe unanimidade quanto à sua adesão ao SINERCLIMA’08, torna-se necessário reunir os contributos sempre necessários por parte das empresas no sentido de que o próximo certame, na senda deste, caminhe no fortalecimento da imagem do Sector e das suas empresas para o consequente benefício de todos aqueles que nele trabalham.

 

 

 

Nuno Roque

Secretário-Geral

 

Notícias

SIPIE

Aberta nova fase de candidaturas

 

O SIPIE abriu nova fase de candidaturas - 8 de Fevereiro a 11 de Abril de 2006. O programa que apoia projectos com investimento mínimo elegível entre € 15 000 e um máximo elegível de € 150 000, com o objectivo do reforço da sua capacidade técnica e tecnológica e da modernização das suas estruturas tem como destinatários micro ou pequenas empresas, genericamente, das áreas de actividade Indústria, Construção, Comércio, Turismo, Serviços e Transportes.

 

A aposta nas energias renováveis constitui uma das prioridades no quadro das orientações da Estratégia Nacional para a Energia e do Plano Tecnológico, que agora se consubstancia também no Novo PRIME,

 

assim são considerados prioritários investimentos em: Energia Eólica, Energia Solar Térmica, Energia Fotovoltaica, Energia das Ondas e Energia da Biomassa, mas também prestação de serviços de apoio no domínio da energia nas áreas da manutenção e assistência técnica aos diferentes sistemas de geração com base em energias renováveis.

 

Sendo que os apoios revestem a forma de “fundo perdido” de 30% sobre o valor do investimento elegível, não deixem os interessados de aprofundar os requisitos para a apresentação de candidaturas dentro do prazo presentemente em vigor.

 

Poderão saber mais em www.iapmei.pt.

 


Destaques

Formação Profissional

 

 

 

Cursos a começar:

 

Curso Técnicas de Refrigeração e Ar Condicionado

180h - 1 de Março - Lisboa

 

Técnico de Manuseamento de Fluidos Frigorigéneos

35h - 2 de Março - Lisboa

 

Técnico de Manuseamento de Fluidos Frigorigéneos

35h - 20 de Março - Lisboa

 

 

Estão abertas as inscrições para os seguintes cursos:

Cursos de Apoio à Credenciação

Carga
Horária
Documentação
TÉCNICO DE MANUSEAMENTO DE FLUIDOS FRIGORIGÉNEOS (Lisboa, Porto, Guimarães, Castelo Branco, Faro) 35 Horas

Bilhete de Identidade

Nº de Contribuinte

Curriculum Profissional

Declaração das empresas comprovativa dos anos de actividade

Eventuais certificados/diplomas de habilitações

ELECTROMECÂNICA  DE REFRIGERAÇÃO E AR CONDICIONADO 40 Horas
CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM QAI
(inclui 20H de Electromecânica avançada de refrigeração e ar condicionado)
80 Horas
CURSO COMPLEMENTAR EM QAI
(inclui 20H de Electromecânica básica de refrigeração e ar condicionado)
80 Horas
 

Cursos de Formação Contínua

Carga Horária

Local

Co-Financiado

Curso Técnicas de Refrigeração e Ar Condicionado

180 Horas

Lisboa

Porto

Guimarães

Não

Sim

Sim

Curso Básico de Refrigeração e Ar Condicionado

90 Horas

Lisboa

Não

Curso Automatismos Industriais

60 Horas

Porto

Guimarães

Sim

Sim

Curso Automação

40 Horas

Porto

Guimarães

Sim

Sim

 

Lisboa: Carla Pereira Simões

Tel:  21 322 42 60

Fax: 21 347 45 76

apirac@netcabo.pt

Porto: Dra. Patrícia Maia

Tel:  96 494 29 32

Fax: 22 208 48 79

apirac_porto@clix.pt

Guimarães: Dra. Maria José

Tel:  253 531 841

Fax: 253 535 578

apirac_guimaraes@clix.pt

 


Tecnologia

O Velho Vento e a Electricidade 

No Séc.XVII Antes de Cristo, já o Imperador Hammurabi usava a força motriz do vento para fazer funcionar um ambicioso projecto de irrigação, na antiga Pérsia. Não saberia que a potência disponibilizada pelos seus moinhos de vento dependia directamente da área varrida pelas pás e do cubo da velocidade do vento. E muito menos saberia que o COP dum gerador eólico não viria a permitir uma transformação dessa potência em electricidade, senão da ordem dos 45% como máximo.

 

Nós – insisto – temos de ver as nossas fontes energéticas diversificadas e as nossas bombas de calor ou compressores frigoríficos hão-de, num futuro breve, ser accionadas por electricidade produzida por energia eólica. Gostaria de ver quais são as reais perspectivas da transformação do vento em electricidade com a tecnologia hoje disponível? Se sim, e se lê razoavelmente em inglês, sugerimos-lhe, hoje, um site americano donde pode “tirar” em formato PDF um interessante resumo-sumário do estado da arte, printá-lo e depois lê-lo calmamente.

 

Para isso faça click aqui

http://www.itdg.org/docs/technical_information_service/wind_electricity_generation.pdf

 


Tome nota / Agenda

Datas para pagamento de impostos durante este mês

Não Esquecer

 

10 Mar

IVA

Declaração periódica mensal referente ao mês de Janeiro/06

15 Mar

Segurança Social

Contribuições relativas ao mês de Fevereiro/06

15 Mar

IRS

Data limite de entrega da Declaração Modelo 3, relativamente aos rendimentos auferidos em 2005, pelos sujeitos passivos que tenham exclusivamente auferido rendimentos das Categorias A (trabalho dependente) e H (pensões)

20 Mar

IRS / IRC

Retenções efectuadas em Fevereiro/06

20 Mar

Imposto Selo

Imposto Selo relativo ao mês de Fevereiro/06

31 Mar

IRC

Pagamento especial por conta

31 Mar

IRS

Declaração de alterações p/ os sujeitos passivos da Categoria B que pretendam optar pela contabilidade organizada.

 


Certames / Eventos

 

PORTUGAL AMBIENTE

Salão Internacional de Equipamentos, Tecnologias e Serviços Ambientais
De 18 a 20 de Maio de 2006 – Porto

Contactos:
EXPONOR – Feira Internacional do Porto
Tel: +351 229 981 400
Fax: +351 229 981 482
E-mail: info@exponor.pt


III IBERAVACR

Encontro de Climatização e Refrigeração nas Escolas Superiores de Engenharia Portuguesas e Espanholas

Abril de 2006 - AUDITÓRIO DA EST SETÚBAL-  Setúbal

 

Escola Superior de Tecnologia de Setúbal

Campus do IPS, Estefanilha

2914-508 Setúbal

Tel.: +351-265 790 000

 


A Escola Superior de Tecnologia de Setúbal do Instituto Politécnico de Setúbal vai leccionar a partir de Abril de 2006 uma Pós-Graduação em Climatização. A frequência do curso possibilita a inscrição gratuita como estudante na ASHRAE e a frequência gratuita do curso de pós-graduação "Energias Renováveis Aplicadas a Edifícios" a realizar em 2007 (aproximadamente 200 horas).

 

Pós-Graduação - Climatização

Carga Horária: 290 horas

Abril 2006 - Janeiro 2007 | 6ª feira (14h00 - 21h00); Sábado (09h00 - 13h00)

Propina: 2500€

Inscrições: até 15 de Março 2006

 

Para mais informações visite: www.est.ips.pt

 


 

Associação Portuguesa da Indústria de Refrigeração e Ar Condicionado

 

Congresso Mediterrânico de Climatização

 

Revista Grau Celsius

 

Directório APIRAC

 

Parcerias

 

Instituto para a Qualidade na Formação

 

Programa REDE

 

Instituto Português da Qualidade

 

Instituto dos Mercados

de Obras Públicas e Particulares e do Imobiliário

 

Instituto de Soldadura e Qualidade

 

PT Comunicações, SA