NewsLetter APIRAC - 04 de Outubro de 2006

 

Editorial

Integrado na estratégia desta Associação relativamente à sua intervenção na formação profissional, a APIRAC conseguiu finalmente criar condições para concentrar o desenvolvimento das diferentes acções formativas num mesmo espaço na cidade de Lisboa.

 

No plano formativo assumem especial relevo as acções na formação de activos em dois domínios: Aperfeiçoamento Profissional e Apoio à Qualificação e Credenciação Técnica, procurando corresponder com competência às determinações introduzidas com a nova regulamentação para o sector da Refrigeração e Ar Condicionado permitindo o acesso a diferentes níveis de qualificação e credenciação técnica.

 

Estas acções estão previstas de ser realizadas gradualmente por todo o território nacional, com principal incidência nas capitais de Distritos de maior concentração empresarial, sendo que de momento decorrem em Lisboa, Porto e Guimarães, em instalações próprias, existindo já condições para o seu desenvolvimento nas cidades Castelo Branco, Setúbal e Faro, mediante instalações protocoladas entre a APIRAC e diversas entidades aí sedeadas.

A formação de jovens continua a ser muito acarinhada na Associação pelo que para além das acções já em curso enquadradas em Sistema de Aprendizagem, que têm como objectivo assegurar a transição de jovens do sistema de ensino para o mundo de trabalho, formando e certificando profissionais para o desenvolvimento de profissões do nosso Sector, mais uma turma de Técnico de Refrigeração e Climatização foi atribuída pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional, neste caso para a cidade do Porto. Assim, em breve, mais algumas empresas nessa cidade poderão em sistema de alternância participar no processo formativo de alguns jovens assegurando a sua formação na componente de contexto de trabalho – estágio profissional.

 

Nasce assim o centro de formação para o Sector no verdadeiro espírito da escola profissional, na certeza de que as sinergias a gerar serão propiciadoras de um acréscimo qualitativo no nosso trabalho.

 

 

 

Nuno Roque

Secretário-Geral

 


Notícias

Escola da Refrigeração e Ar Condicionado

Novas instalações em Lisboa

 

Arrancaram ontem dia 02.Out as actividades formativas na escola profissional do Sector. A APIRAC passou a usufruir na Rua José Estevão, 87, em Lisboa, junto ao Jardim Constantino, à Estefânia, de um novo espaço onde irá concentrar todas as actividades formativas planeadas para serem realizadas nesta cidade e a partir de onde se desenvolverá a organização de todos os projectos formativos, cujo desenvolvimento se pretende o mais descentralizado possível, procurando levar a formação até onde seja precisa.

 

A nova escola dispõe de diversos espaços para formação de contextos teóricos e de prática simulada – oficina – devidamente equipados e climatizados. Será possível a partir de agora poder coincidir no tempo diferentes acções formativas e corresponder de uma forma mais atempada às necessidades que vão surgindo nas empresas e nos profissionais do nosso Sector. Esperemos que saibam aproveitar os recursos associativos que a APIRAC com grande afinco tem procurado colocar ao seu dispor.

 


Que se passa com o processo de recolha estatística dos dados de vendas de equipamentos AVAC?

 

Enviaram-se no passado dia 25 SET. (desta vez, apenas) para as 18 empresas participantes na entrega dos dados de vendas de equipamentos AVAC relativas ao primeiro Semestre de 2006, os resultados finais. Foi uma entrega que correu menos bem que o habitual, pois, se estava delineado 20 JUL. como data limite, nesse dia apenas 7 dos habituais 22 participantes haviam conseguido pôr os seus dados na APIRAC.

 

Em seguida, decorreram dois loooongos meses em que se tentou que as respostas em falta chegassem. Em 20 SET. “decidimos” fechar o processo, ficaram em falta 4 dos participantes habituais, abriu-se a urna e lançaram-se os dados. A questão é pertinente: será que o processo está desvalorizado? Ou será que não inspira confiança? Ou será que já não tem utilidade? Que lhe está a faltar?

 

Admitimos que valha a pena meditar-se nos porquês da falta de interesse que neste primeiro semestre de 2006 se verificou por parte das empresas. E, a seguir, corrigir-se o que estiver menos bem!

 


A CT56 está a ficar desfalcada de peritos em ar condicionado

 

As Comissões Técnicas de Normalização assentam o seu funcionamento no trabalho voluntário e benévolo - gratuito, sem retribuição - realizado pelos técnicos do sector que consideram que há razões válidas para darem algo de si, da sua experiência e dos seus conhecimentos a bem da comunidade, em geral, e do seu sector profissional, em particular. Quando se forma uma Comissão Técnica começa-se com entusiasmo e todos “podem vir”, mas conforme os meses e anos vão passando, instala-se alguma desgaste e saturação, muda-se de emprego, adoece-se, reformulam-se empresas, alguns desistem e vamos ficando com poucos elementos, tornando-se assim mais difícil produzir trabalho. Neste momento temos, além do Presidente e do Secretário da CT56, apenas mais duas pessoas (da Sonicel, Eng.º Carlos Leite e da Sandometal, Eng.º Carvalho Torres, a quem saudamos). Para trabalharmos em normalização do Ar Condicionado, dois é pouco, precisam-se mais voluntários, pelo menos mais 4. Entre os que nos lêem, não há ninguém interessado? O único que podemos garantir é que a experiência é positiva e gratificante: “Eu fiz algo de palpável pelo bem do meu Sector profissional” poderão depois dizer!

 

O Secretário do ONS-APIRAC aguarda o v/ contacto.

 


Destaques

Formação Profissional

 

 

 

Cursos a começar em Outubro:

INSCREVA-SE JÁ:

Técnico de Manuseamento de Fluidos Frigorigéneos - 36h

Inicio a 17 de Outubro - Porto - Horário Pós-Laboral

Inicio a 23 de Outubro - Lisboa - Horário Pós-Laboral

Inicio a 2ª Quinzena de Outubro - Faro - Horário Pós-Laboral

Inicio a 2ª Quinzena de Outubro - Castelo Branco - Horário Pós-Laboral

 

Técnicas de Refrigeração e Ar Condicionado - 180h

Inicio a 16 de Outubro - Porto - Horário Pós-Laboral

 

 

Estão abertas as inscrições para os seguintes cursos:

Cursos de Apoio à Credenciação

(Lisboa, Porto, Guimarães, Castelo Branco, Faro)

Carga
Horária

Documentação
TÉCNICO DE MANUSEAMENTO DE FLUIDOS FRIGORIGÉNEOS 36 Horas

Bilhete de Identidade

Nº de Contribuinte

Curriculum Profissional

Declaração das empresas comprovativa dos anos de actividade

Eventuais certificados/diplomas de habilitações

ELECTROMECÂNICA  DE REFRIGERAÇÃO E AR CONDICIONADO 40 Horas
CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM QAI
(inclui 20H de Electromecânica avançada de refrigeração e ar condicionado)
80 Horas
 

Cursos de Formação Contínua

Carga Horária

Local

Co-Financiado

Curso Técnicas de Refrigeração e Ar Condicionado

180 Horas

Lisboa

Porto

Guimarães

Castelo Branco

Faro

Não

Sim

Sim

Sim

Sim

Curso Básico de Refrigeração e Ar Condicionado

90 Horas

Lisboa

Castelo Branco

Faro

Não

Sim

Sim

Curso Automatismos Industriais

60 Horas

Porto

Guimarães

Sim

Sim

Curso Automação

40 Horas

Porto

Guimarães

Sim

Sim

 

Lisboa: Lúcia Maria

Tel:  21 322 42 60

Fax: 21 347 45 76

apirac@netcabo.pt

Porto: Dra. Patrícia Maia

Tel:  96 494 29 32

Fax: 22 208 48 79

apirac_porto@clix.pt

Guimarães: Dra. Maria José

Tel:  253 531 841

Fax: 253 535 578

apirac_guimaraes@clix.pt

 


Tecnologia

Corrosão prematura nas tubagens em cobre do ar condicionado

 

Há mesmo aqui ao lado, em Espanha, disponível na Net, um portal chamado, após tradução, Portal do Frigorista, O Frio Industrial e O Ar Condicionado, ao qual se pode aceder com toda a facilidade e onde os amantes dos temas sobre tecnologia, desde os convencionais aos mais de vanguarda, se podem espraiar. Ainda por cima, está escrito na cantada língua de “nuestros hermanos” que, cada vez com mais naturalidade, se vai ouvindo aqui por Portugal.

 

Por exemplo, quer saber “porque é que o cobre das tubagens de ar condicionado com alguma frequência colapsa por inesperada corrosão”? Ou será que prefere saber que “o frio solar é uma alternativa ecológica aos aparelhos tradicionais”?.

 

O primeiro, foi o trabalho galardoado como O Melhor Trabalho do Ano Sobre Cobre pela respectiva associação (a ICA). Já, do segundo, podemos saber que a União Europeia prevê  que o uso do Frio Solar aumente significativamente nos próximos anos como forma de se evitarem os gases proibidos pelos Protocolos de Montreal e de Quioto.

 

Como estes, encontra variados outros temas com chamadas para interessantes e curtos artigos que, depois podem ser aprofundados através dum link na folha de entrada. Votos de boas descobertas tecnológicas!

  

Para saber mais pode entrar por aqui.

 

Tome nota / Agenda

Datas para pagamento de impostos durante este mês

Não Esquecer

 

2 Out

IMI

Pagamento da segunda prestação, quando não tenha sido paga a totalidade do imposto devido na primeira prestação (em Abril)

10 Out IVA

Declaração periódica mensal referente ao mês de Agosto/06

16 Out

Segurança Social

Contribuições relativas ao mês de Setembro/06

20 Out IRS / IRC

Retenções efectuadas em Setembro/06

20 Out

Imposto Selo

Imposto Selo relativo ao mês de Setembro/06

30 Out IRC

Pagamento especial por conta

 


Certames / Eventos

CONCRETA - 22.ª Feira Internacional de Construção e Obras Públicas de 24 a 28 de Outubro.

 

Hoje, a CONCRETA é reconhecida – nacional e internacionalmente – como uma referência para as empresas e profissionais do sector da construção, um ponto de encontro privilegiado para o desenvolvimento do negócio e, fruto da multiplicidade e variedade das actividades complementares em torno do certame, um fórum de debate e conhecimento.

 

Actividades paralelas:

Conferências de arquitectura

Jornada Técnica LSK

Construção na Arábia Saudita

Direito da Construção Civil

Estruturas de Aço e Vidro

Legislação energética

Seminário Gecorpa

Casa sustentável

Seminário "Eurocódigos"

Seminário Arte&Construção

Para mais informações:

A EXPONOR coloca ao seu dispor uma linha de apoio que o poderá ajudar:

808 30 14 00
(das 9h às 19h nos dias úteis)
fax: 229 981 482
concreta@exponor.pt

 


Obituário

Professor OLE FANGER

 

Faleceu no passado dia 18 SET. por doença, com a idade de 72 anos, uma das maiores referências da Qualidade do Ar Interior em edifícios, o Professor OLE FANGER, cidadão sueco e, hoje, no campo do Ar Condicionado, cidadão do mundo.

 

Nosso bem conhecido, esteve presente em Portugal, no primeiro Congresso Climamed de Lisboa, há dois anos e todos que com ele privaram tiveram oportunidade de confirmar o seu brilhantismo, a sua sapiência nos temas da sua especialidade, mas também a sua simpatia e senso de humor. Todos os modelos e parâmetros relativos ao conforto propiciado pelo ar condicionado que o Prof.Fanger idealizou – nem todos pacíficos - são hoje conhecidos e usados pelos técnicos do sector. É, por assim dizer uma perda irreparável e que, a todos, muito nos sensibiliza. Que os seus seguidores saibam honrar o a sua memória. Paz à sua alma.

 

 

Associação Portuguesa da Indústria de Refrigeração e Ar Condicionado

 

Congresso Mediterrânico de Climatização

 

Revista Grau Celsius

 

Directório APIRAC

 

Parcerias

 

Instituto para a Qualidade na Formação

 

Programa REDE

 

Instituto Português da Qualidade

 

Instituto dos Mercados

de Obras Públicas e Particulares e do Imobiliário

 

Instituto de Soldadura e Qualidade

 

PT Comunicações, SA