Apirac Serviços Notícias Associado Newsletter Directório Fórum Destaques  
Arquivo 2007
Arquivo 2006
Arquivo 2005
 
 

SÃO PEDRO DE MOEL PRODUZ ENERGIAS DAS ONDAS EM 2013

 

 

O projecto de exploração de energia a partir de ondas marítimas vai fazer de São Pedro de Moel, na Marinha Grande, uma zona piloto, não num campo experimental, mas «num contexto para a sua viabilidade comercial», aproximadamente, «dentro de 10 anos», afirmou o ministro da Economia, Vieira da Silva, na cerimónia de assinatura do contrato de concessão, em Outubro passado.

No entanto, o projecto deverá começar a produzir os primeiros megawatts de electricidade dentro de dois anos. Para o ministro da Economia, a energia das ondas «é uma aposta que se vai inserir no desafio de reduzir sistematicamente a dependência energética do exterior e de estar na primeira fila da inovação energética», salientou, não definindo, para já, objectivos, mas manifestando a ambição de colocar nas casas dos portugueses electricidade produzida a partir da energia das ondas.

O projecto de S. Pedro de Moel deverá custar à REN – Redes Eléctricas Nacionais cerca de 10 milhões de euros, cabendo depois aos próprios investidores o financiamento da aplicação das suas ideias e a captação de apoios. «Não se trata de investimento público, mas da concessão do espaço para se poder vir a comercializar a energia», afirmou Vieira da Silva, adiantando que, dependendo dos resultados da zona piloto, «haverá a possibilidade» de vir a instalar projectos «noutras zonas».

Font: Portal Nacional do Censelho de Leiria